UGT - Comunicados

Segurança e Saúde no Trabalho

2019

Mulheres, trabalho e cancro - Por que razão a ligação não está a ser feita?

2019-01-28
Mulheres, trabalho e cancro - Por que razão a ligação não está a ser feita?

O cancro é a principal causa de mortalidade relacionada com o trabalho na UE e é responsável por 100.000 mortes evitáveis por ano. No entanto, a maioria das pesquisas e políticas sobre as suas causas e prevenção, ainda, presume que são principalmente os homens que são afetados, embora uma proporção crescente das vítimas sejam agora mulheres.

A necessidade de mudar as prioridades de investigação e abordar melhor a prevenção no local de trabalho para refletir os riscos ocupacionais em mutação foi o tema de uma conferência da ETUI em Bruxelas no final do ano passado.

Tony Musu, investigador da ETUI, afirmou que o cancro no local de trabalho é muitas vezes "invisível", sendo que o cancro no local de trabalho entre as mulheres é “particularmente invisível”. Enfrentar o problema exige uma ação concertada, pois mais de 80% da exposição no trabalho é causada por 50 agentes carcinogénicos diferentes.”

Apontou o enorme custo da falta de ação, sustentando uma pesquisa  elaborada pela ETUI que estima que os cancros relacionados ao trabalho custam entre € 270 e € 610 bilhões por ano na UE-28.

Saiba mais AQUI