UGT - Comunicados

Notícias Internacionais

2017

Comentário da CES ao Pacote da Primavera de 2017 do Semestre Europeu

2017-05-22
 Comentário da CES ao Pacote da Primavera de 2017 do Semestre Europeu

Comentando os "relatórios específicos por país" emitidos hoje pela Comissão Europeia, Katja Lehto Komulainen, Secretária-Geral Adjunta da Confederação Europeia de Sindicatos (CES), disse “é um progresso que a Comissão Europeia esteja a pedir mais investimento público e salários mais elevados em alguns países, incluindo a Alemanha.”

“É contudo muito negativo que a Comissão exija novamente mais austeridade e cortes orçamentais a alguns países, e, por outro lado, limitar aumentos salariais e o investimento público a países com excedentes orçamentais é uma oportunidade desperdiçada.”

“A Europa precisa de mais investimento público e de aumentos de salários para os trabalhadores em toda a União Europeia, para que a recuperação económica seja sentida por todos. A criação de um Tesouro Europeu seria uma forma de aumentar os investimentos.

“É positivo que a Comissão Europeia peça medidas de combate ao trabalho precário em alguns países, incluindo Espanha e Portugal, e na Roménia e na Bulgária o estabelecimento de um mecanismo transparente para a fixação dos salários mínimos, em consulta com os representantes dos empregadores e dos sindicatos. Contudo é preocupante que os salários mínimos sejam tratados de forma tão negativa em Portugal, na França e na Estónia.”

“O enfoque da Comissão Europeia na adequação das pensões e da saúde, nas desigualdades e em sistemas fiscais progressivos, nas competências e no acesso à educação são todos pontos importantes a seguir. Contudo existe ainda um longo caminho a percorrer antes de a política económica da União Europeia promover realmente o crescimento inclusivo e o combate à desigualdade.”

Ver link

UGT condena ataque em Manchester

2017-05-22
UGT condena ataque em Manchester

A UGT expressa toda a sua solidariedade para como o povo e os trabalhadores britânicos, bem como à cidade de Manchester, condenando mais este bárbaro ataque à liberdade.

A UGT apresenta as condolências aos familiares das vítimas e reitera que nada nos deve afastar do combate ao terrorismo e da defesa da dignidade humana.

UGT recebe delegação do sindicato da administração pública sueca "Kommunal"

2017-05-18
UGT recebe delegação do sindicato da administração pública sueca "Kommunal"

Tendo em vista a defesa do serviço público de qualidade e de condições de trabalho dignas para os trabalhadores da administração pública a nível europeu, a UGT recebeu na sua sede uma delegação do sindicato da administração pública sueca "Kommunal".

A reunião com esta organização sindical filiada na LO-Suécia centrou-se essencialmente nas mudanças ocorridas na Suécia, em especial através de diversas privatizações em alguns serviços públicos, que segundo a "Kommunal" estão a por em causa a qualidade do serviço prestado e a degradar as condições de trabalho.

A UGT aproveitou ainda para realçar os recentes acordos alcançados pela FESAP e pelo STE no que diz respeito ao descongelamento de carreiras, assim como o programa de regularização dos trabalhadores precários do Estado.

Aceda AQUI à fotogaleria

CESE debate o estado da Europa em Malta

2017-05-11
CESE debate o estado da Europa em Malta

O Grupo dos Trabalhadores do Comité Económico e Social Europeu (CESE) está reunido em Malta para debater o estado da Europa, o Brexit e o seu impacto para milhares de trabalhadores europeus que trabalham no Reino Unido e muitos milhares de britânicos que trabalham em muitos Estados europeus.

O Primeiro Ministro JOSEPH MUSCAT abriu a conferência durante a tarde com uma intervenção sobre a presidência maltesa e ouviu os elogios sobre a forma como potenciou a discussão do Pilar dos Direitos Sociais.

Ver fotos (Flickr)

UGT recebe delegação do Parlamento Federal Alemão

2017-05-09
UGT recebe delegação do Parlamento Federal Alemão

No âmbito de uma visita a Portugal da Comissão de Trabalho e Assuntos Sociais do Bundestag alemão, a UGT recebeu na sua sede uma delegação chefiada pelo deputado Karl Schiewerling da CDU/CSU.

A delegegção alemã foi ainda composta pelos deputados Albert Stegemann e Stephan Stracke da CDU/CSU, Katja Mast e Bernd Rützel do SPD, Sabine Zimmermann do partido "Die Linke" e Brigitte Pothmer da Aliança 90/Os Verdes.

Este reunião serviu para trocar impressões sobre a evolução positiva que o país tem assistido e para a UGT demonstrar as suas preocupações relativamente a materias que estão atualmente em cima da mesa, como a questão da idade legal de reforma e da sustentabilidade da Segurança Social, bem como o compromisso de continuar a apostar no aumento do salário mínimo em Portugal, atingindo os 600€ em 2019.

O Secretário Geral da UGT, Carlos Silva, assimiu que os portugueses são pessoas de palavra, e que a credibilidade do país assenta acima de tudo no cumprimento dos compromissos internacionais assumidos por Portugal, sem que no entanto sejam descorados os aspetos relacionados ao reforço da componente social das politicas seguidas pelo Governo.

Aceda AQUI à fotogaleria