UGT - Comunicados

Notícias Internacionais

2015

UGT reuniu com Luca Visentini

2015-05-20
UGT reuniu com Luca Visentini

Uma delegação da UGT, liderada pelo Secretário-geral, Carlos Silva, recebeu na sua sede, o candidato a Secretário-geral da Confederação Europeia de Sindicatos (CES), Luca Visentini.

Nesta reunião foram debatidas as questões da economia nacional, mas também os temas relativos ao diálogo social europeu e à necessidade de os parceiros sociais europeus terem uma voz mais forte e coesa na Europa.

A UGT já havia manifestado o seu apoio ao candidato aquando da sua eleição na reunião do Comité Executivo da CES que se realizou em Bruxelas, no passado mês de Março.

O Congresso da CES realiza-se em Paris entre 29 de Setembro e 2 de Outubro de 2015.

Ver fotos (Flickr)

UGT assinala Dia da Europa

2015-05-09
UGT assinala Dia da Europa

Comemoram-se hoje os 70 anos do fim da II Guerra Mundial, e os 65 anos da União Europeia. Pode ser este o momento adequado para citar Robert Schumann, que no seu discurso de 9 de Maio 1950 afirmou que «A Europa não se fará de uma só vez, nem de acordo com um plano único. Far-se-á através de realizações concretas que criarão, antes de mais, uma solidariedade de facto.» Ora, as realizações concretas e a solidariedade de facto só podem ser materializadas no quadro de uma Europa coesa: coesa em termos de redução de assimetrias regionais; coesa no sentido de não se promover uma Europa dos países ricos e outra dos países pobres; coesa, ainda no sentido de não se ignorar os pontos de partida dos diferentes Estados Membros, a sua história, as suas potencialidades e vulnerabilidades.

O cimento agregador da Europa e o seu fantástico poder de atração reside no seu soft power, numa Europa capaz de respeitar os direitos sociais fundamentais, de promover a melhoria das condições de vida e de trabalho dos seus cidadãos ao mesmo tempo que busca o desenvolvimento sustentado e uma economia resiliente.

A crise económica que se abateu sobre a Europa trouxe-se-lhe novos desafios que a fizeram estremecer até aos alicerces criando terreno propício para a desilusão e o cepticismo, por isso, hoje, o projecto Europeu que é desde o seu início um projecto de Esperança precisa de um novo fôlego para poder continuar a representar, para os cidadãos europeus, um horizonte de bemestar, Paz e prosperidade.

A UGT continuará a defender a nível nacional e europeu que é necessário que os cidadãos se sintam parte integrante da Europa, da sua Europa e, para isso, haverá que assegurar a participação e o envolvimento dos cidadãos nos processos de decisão. A negociação colectiva e o Diálogo Social são fundamentais para reforçar os laços de solidariedade num quadro de construção de uma sociedade pacífica, próspera e caracterizada pela Justiça Social.

Tragédia no Mediterrâneo - É necessário agir

2015-04-22

A Europa não pode continuar a ignorar o seu dever humanitário de agir face às tragédias que se sucedem no Mediterrâneo.

As pessoas que se afogam no Mediterrâneo não são apenas casos de emigração económica, muitos fogem da fome; fogem das impiedosas perseguições étnicas, religiosas e políticas; fogem da guerra. Para eles a Europa representa mais do que uma oportunidade de melhorar as condições de vida. A Europa é os que separa da morte. Daí a dificuldade de travar este fluxo migratório movido pelo desespero e pelo medo.

A UGT apela para que na Cimeira Europeia Extraordinária, de 23 de Abril, se discuta esta crise migratória e se tomem medidas para:

- Atender às situações de emergência através do reforço do patrulhamento e segurança marítima;

- Criar condições dignas para estas pessoas, em ambas as margens do Mediterrâneo, enquanto aguardam o expatriamento ou, a regularização/concessão do direito de asilo;

- Criminalizar e penalizar os traficantes de seres humanos;

- Actuar solidariamente com os governos de Itália e de Malta ou, outros, que se confrontam com um problema que deve ser enfrentado à escala europeia;

- Repensar as regras de concessão de asilo com o envolvimento de todos os estadosmembros da U.E.

Uma crise destas proporções e com estas características não pode ser travada apenas com medidas securitárias.

Ver documento (PDF)

UGT em Encontro Sindical Ibérico

2015-03-23
UGT em Encontro Sindical Ibérico

Durante o encontro sinidcal ibérico, os Secretário-gerais da UGT-P, CGTP-IN, UGT-E e CC.OO cumpriram um minuto de silêncio em memória das 150 vítimas do avião que se despenhou no sul dos Alpes.

 

Ver fotos (Flickr)

UGT em São Tomé e Príncipe

2015-03-14
UGT em São Tomé e Príncipe

Na sua deslocação a São Tomé e Princípe, o Secretário-geral da UGT, Carlos Silva, apleou ao governo são-tomense para encontrar alternativa ao desemprego

14 a 20 de Março de 2015

GALERIA DE FOTOS

PROGRAMA SEMINÁRIO

Ver link