UGT - Comunicados

Notícias Internacionais

2016

A greve não é um crime - UGT associa-se às confederações espanholas em defesa do direito à greve

2016-01-19
A greve não é um crime -  UGT associa-se às confederações espanholas em defesa do direito à greve

A UGT associou-se às confederações sindicais espanholas, UGT-E e CC.OO num acto público em defesa do direito à greve que teve lugar no dia 19 de Janeiro, às 18H30 (hora local, 17h30 em Portugal) no auditório de Lope de Veja, em Madrid.

Esta iniciativa teve lugar algumas semanas antes do julgamento de 8 sindicalistas, trabalhadores da Airbus, sobre quem recai o pedido de cumprimento de uma pena de oito anos e três meses para cada um, por terem participado na greve geral de 29 de Setembro de 2010, contra as alterações à legislação laboral.

As confederações espanholas argumentam que as acusações que recaem sobre os oito trabalhadores são falsas e que as penas pedidas pela acusação são desproporcionadas relativamente aos alegados crimes.

Este acto público contou a solidariedade de todas as organizações sindicais internacionais, nomeadamente a Confederação Eiropeia de Sindicatos (CES) e a Confederação Sindical Internacional (CSI), assim como o apoio inequívoco da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

A UGT – Portugal esteve representada pela Secretária Internacional, Catarina Tavares, e pelo Presidente da Comissão de Juventude, Bruno Teixeira, que manifestaram a solidariedade da UGT em defesa da democracia laboral.

FOTOGALERIA