UGT - Comunicados

Notícias Internacionais

2011

UGT condena a brutal repressão na Tunísia e apela ao restabelecimento urgente dos direitos sociais e políticos

2011-01-18

No seguimento da violenta repressão das manifestações por parte do governo tunisino que
resultou num elevado número de mortos entre a população civil, bem como de feridos e de
pessoas presas, nomeadamente, de sindicalistas, a UGT quer manifestar o seu mais vivo
repúdio pela actual situação e expressar a sua solidariedade para com os trabalhadores/as
tunisinos e cidadãos em geral.

Apelamos, ainda, ao pronto restabelecimento dos direitos e liberdades fundamentais, tais como a liberdade de expressão, e ao apuramento dos responsáveis pelos ataques perpetrados contra sindicalistas e a população civil que, entendemos, devem ser devidamente julgados e condenados.