UGT - Comunicados

Comunicados

2021

SINAPE | Relembrar Abril e os "Três Dês" em 2021

2021-04-23
SINAPE | Relembrar Abril e os "Três Dês" em 2021

Na reunião do Secretariado Nacional da UGT, de dia 22 de Abril, o Secretário-Geral do SINAPE, Francisco Clemente Pinto, deixou a seguinte reflexão sobre o 47º aniversário do 25 de Abril de 1974.

 

Prestes a comemorar os 47 anos do 25 de abril, devemos revisitar os três objetivos do MFA:

Democratizar, Descolonizar e Desenvolver.

Estando o regime democrático na idade adulta, temos que:

Democratizar:

a Escola, um ensino com estratégia e objetivos bem definidos e promovendo a excelência, não uma Escola cuja bitola seja a mediocracia.

- a Justiça, acesso pleno ao sistema de justiça, custas judiciais comportáveis e celeridade nos seus atos. Uma justiça ética e compreensível para os cidadãos.

- a Saúde, com acesso universal aos cuidados de saúde, em tempo real e de forma preventiva, 8 horas no mínimo numa urgência não é admissível.

proteção às crianças e idosos. Creches e lares para todos.

o Estado, com serviços orientados para a resolução efetiva dos problemas dos cidadãos e não um Estado cujos serviços servem apenas o Estado.

a Economia, abertura da economia aos cidadãos, eliminação de fatores burocráticos.

Descolonizar:

- o estado e as autarquias dos clãs instalados.

a justiça, independente e coerente.

a banca e seguros, cujos clãs colonizam os seus clientes.

empresas sorvedoras da riqueza de cada cidadão, as ditas empresas estratégicas, sem futuro, mas com muito capital publico dos impostos.

as empresas “rendeiras” do regime, eletricidade e gás, combustíveis, comunicações, autoestradas, portos e aeroportos.

Desenvolver:

regime fiscal, atendendo à realidade do país, somos a Suécia nos impostos e a Albânia na economia.

promover o crescimento económico e não a estatização da economia.

apoiar as empresas, promover as empresas, promover os produtos locais visando o mercado global.

- uma cultura empresarial, que vise uma concorrência justa no mercado nacional e internacional.

- uma estratégia de crescimento económico, basta de: tática em tática.

desígnio quantificável de crescimento económico, metas bem definidas.

Trabalho digno, remunerações dignas.

- Redução da taxa pobreza.

Cumprir o prometido: aproximação contínua aos padrões de vida dos países mais desenvolvidos da Europa, fácil de quantificar.

Assim, poderemos comemorar o 25 abril, com esperança reforçada no futuro, ou, mais uma vez, de forma cinzenta adiamos o país,

Seremos os primeiros dos últimos.