UGT - Comunicados

Notícias

2019

UGT e FNE assinalam a abertura do ano lectivo em Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos

2019-09-09
UGT e FNE assinalam a abertura do ano lectivo em Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos

A UGT junta-se à FNE, no dia 13 de Setembro, em mais uma abertura do ano lectivo de 2019/2020 com visitas a escolas em Castanheira de Pêra e Figueiró dos Vinhos e encontros com as respectivas autarquias.

Neste dia juntar-se-ão aos Secretários-Gerais da UGT e da FNE, Carlos Silva e João Dias da Silva, respectivamente, a Vice-Secretária-Geral da FNE, Lucinda Manuela Dâmaso, o Vice-Secretário-Geral da FNE, Pedro Barreiros, bem como o Presidente do Sindicato dos Técnicos Superiores, Assistentes e Auxiliares de Educação da Zona Centro (STAAEZCentro), João Ramalho, dirigentes do Sindicato dos Professores da Zona Centro (SPZCentro) e do STAAEZCentro. A primeira iniciativa do dia será às 10h30, com uma reunião na Câmara Municipal de Castanheira de Pera, onde os Secretários-Gerais da UGT e da FNE, os Vice-Secretários-Gerais da FNE e os Presidentes do SPZCentro e do STAAEZCentro serão recebidos pela Presidente da edilidade. Segue-se pelas 11h00m uma visita ao Agrupamento de Escolas de Castanheira de Pera, para encontros com Docentes e Não Docentes estando ainda programada uma reunião com a direção da escola, que serve de primeira oportunidade para a FNE e a UGT simbolicamente assinalarem a importância de todos os trabalhadores da educação que asseguram o funcionamento dos Jardins de Infância e das escolas dos ensinos básico e secundário e o empenhamento da FNE e da UGT na respetiva valorização. Pelas 15h00m, será a vez do Presidente da Câmara de Figueiró dos Vinhos receber para um encontro os Secretários-Gerais da UGT e da FNE, os Vice-Secretários-Gerais da FNE, os Presidentes do SPZCentro e do STAAEZCentro, seguindo-se pelas 15h30 a visita ao Agrupamento de Escolas de Figueiró dos Vinhos que inclui também reunião com a direção desta escola, bem como com os respetivos Educadores, Professores e Trabalhadores Não Docentes. Este programa visa assinalar as condições particulares em que as escolas da região de Lisboa e as escolas do interior desenvolvem a sua missão, assumindo a necessidade de políticas que garantam um serviço público de educação de qualidade e inclusivo em todo o território, que apoie a fixação dos trabalhadores docentes e não docentes e lhes proporcione condições de trabalho dignas e merecedoras do seu papel na sociedade.

Legislativas 2019 - UGT recebe CDS-PP

2019-09-09
Legislativas 2019 - UGT recebe CDS-PP

A UGT recebeu hoje na sua sede uma delegação do CDS-PP para uma reunião na qual o partido centrista entregou uma cópia do seu programa eleitoral e apresentou algumas das matérias que serão alvo de escrutínio nacional no próximo dia 6 de outubro.

Na reunião com a Presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, e do líder da bancada parlamentar, Nuno Magalhães, estiveram do lado da UGT, o seu Secretário-geral, Carlos Silva, a Presidente Lucinda Dâmaso, os Secretários-gerais Adjuntos, Sérgio Monte, Paula Bernardo e Dina Carvalho, e o Secretário Executivo, Carlos Alves.

Clique no link abaixo para aceder à fotogaleria

Ver fotos (Flickr)

UGT nas Comemorações do Dia Nacional do Psicólogo

2019-09-04
UGT nas Comemorações do Dia Nacional do Psicólogo

A UGT fez-se representar hoje, pela sua Secretária Executiva, Vanda Cruz, na sessão comemorativa do segundo aniversário do Dia Nacional do Psicólogo, consagrado pela Assembleia da República na Resolução n.º 147/2018, a partir de uma proposta apresentada pela Ordem dos Psicólogos Portugueses.

Esta comemoração, que teve lugar no Salão Nobre da Academia de Ciências de Lisboa, coincide com a data de criação da Ordem dos Psicólogos (04 de Setembro de 2008) e consiste num importante passo na afirmação desta profissão e de todos os trabalhadores.

A Evolução do Subsídio de Desemprego e Social de Desemprego em Portugal nos últimos 10 anos

2019-09-03
A Evolução do Subsídio de Desemprego e Social de Desemprego em Portugal nos últimos 10 anos

"Não subsistem dúvidas que o regime de Segurança Social, em especial o subsídio de desemprego, contribuíram para atenuar, de forma significativa, os efeitos da crise e as consequências provocadas pela falência de milhares de empresas, com os posteriores despedimentos." por Sérgio Monte, Secretário-geral Adjunto

É neste sentido que a UGT apresenta um relatório que analisa a importância que o subsídio de desemprego, nas suas diferentes modalidades, assumiu nos últimos 10 anos no combate à pobreza e exclusão sociais provocados pelos ciclos económicos mais débeis.

Leia o Relatório no link abaixo

 

Mais de um milhão de trabalhadores devem ser abrangidos pela Negociação Coletiva em 2019

2019-08-27
Mais de um milhão de trabalhadores devem ser abrangidos pela Negociação Coletiva em 2019

Instrumentos de regulamentação coletiva de trabalho publicados até julho estão no nível mais elevado desde 2010. No fim de 2019 deve ser ultrapassada a fasquia de um milhão de trabalhadores abrangidos por negociação coletiva pela primeira vez desde 2011.

Após “os anos da troika, uma desgraça para a negociação coletiva, reganhou-se a confiança entre as partes”, frisa Sérgio Monte, Secretário-geral adjunto da UGT. Um fator fundamental para explicar o maior dinamismo deste processo.

Uma análise da UGT aos IRCT publicados no primeiro semestre deste ano constata que mais de 70% dos que são revisões atualizam as tabelas salariais. Além disso, “mais de 50% das convenções publicadas estabelecem um salário para o início da carreira acima dos €600, ou seja, acima do valor do salário mínimo”, frisa Sérgio Monte, apontando que “é um bom sinal”.

A mesma análise da UGT aponta ainda que a variação nominal média dos salários, nestas convenções que reviram tabelas remuneratórias, foi de 2,8%. Um valor abaixo dos 3,8% registados no segundo semestre do ano passado, mas acima dos 2,6% observados na primeira metade do ano passado, aponta o documento. É um valor “acima da inflação, que está em cerca de 1%, o que traduz uma valorização real dos salários”, vinca Sérgio Monte.

(Fonte: Expresso)

Clique aqui para ler o artigo na íntegra no Expresso Diário (Requer Assinatura)

Ver link