UGT - Comunicados

Notícias

2020

UGT participa em Webinar sobre o Futuro do Trabalho que marca o início dos trabalhos para o "Livro Verde sobre o Futuro do Trabalho"

2020-07-09
UGT participa em Webinar sobre o Futuro do Trabalho que marca o início dos trabalhos para o "Livro Verde sobre o Futuro do Trabalho"

A UGT participou hoje no Webinar sujeito ao tema “O Futuro do Trabalho”, no qual se incluiu a apresentação das linhas gerais do Livro Verde sobre o Futuro do Trabalho, que o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social pretende apresentar no último trimestre de 2020. 

O webinar contou a presença do Secretário de Estado Adjunto e do Emprego, Miguel Cabrita, e com a intervenção de representantes da OIT, OCDE e Comissão Europeia e com um painel composto por representantes dos parceiros sociais. 

Na sua intervenção, Carlos Alves, em representação da UGT, abordou temas como os desafios que as novas formas de trabalho e os novos trabalhadores suscitam para os sistemas de protecção social, para a formação profissional, para a negociação colectiva, para a representação sindical e as relações laborais em geral no nosso País ou as vantagens e os riscos de desregulação social, económica e laboral se não existir uma reflexão e uma regulação adequadas sobre as novas formas de trabalho e as novas realidades económicas. 

Alertou ainda para a centralidade do diálogo social e da negociação colectiva para traçar um rumo para o futuro que, ao contrário do que é muitas vezes afirmado, está longe de ser inevitável nos seus efeitos mais perversos.

Newsletter UGT | N.º 13 | JUNHO 2020

2020-07-08
Newsletter UGT | N.º 13 | JUNHO 2020

Leia a 13.ª edição da newsletter da UGT no link abaixo

Ver link

UGT marca presença na conferência "No pós-pandemia que futuro para as micro, pequenas e médias empresas"

2020-07-08
UGT marca presença na conferência "No pós-pandemia que futuro para as micro, pequenas e médias empresas"

A UGT marcou presença na conferência empresarial “No pós-pandemia que futuro para as micro, pequenas e médias empresas” que se realizou no passado dia 8 de Julho de 2020 no Seixal – Peninsula de Setúbal.

Neste encontro foram feitas dezenas de intervenções de associações e confederações de micro e pequenos empresários que se encontram em grande dificuldade económica devido à Covid-19.

Estas organizações empresariais representam milhares postos de trabalho que poderão estar em causa por ainda se manterem encerradas ou com atividade reduzida, desde o início da pandemia.

A nossa central sindical fez-se representar pelo Presidente da UGT-Setúbal, Manuel Fernandes, que agradeceu em nome do Secretário Geral, Carlos Silva, o convite formulado.

Neste encontro estiveram presentes várias entidades empresariais, movimentos sociais e todos os partidos com representação parlamentar. 

Os responsáveis da organização do evento e da CPPME – Confederação Portuguesa das Micro, Pequenas e Médias Empresas agradeceram publicamente à UGT por ter sido a única central sindical a marcar presença no evento.

UGT exige mais fiscalização nos transportes públicos

2020-07-01
UGT exige mais fiscalização nos transportes públicos

Face à problemática dos transportes coletivos na Área Metropolitana de Lisboa, em virtude do elevado número, diário, de casos de Covid que têm surgido na região, e também perante as mais recentes declarações do Ministro das Infraestruturas, a UGT exige mais fiscalização na lotação de autocarros e comboios a dois terços da sua capacidade normal.

O Secretário-geral Adjunto, Sérgio Monte, na UGT TV, exige que o Governo implemente mais medidas,  algumas já previstas, mas que ainda não foram executadas. 

No transporte ferroviário, nomeadamente na linha de Sintra, onde se verificam altas taxas de ocupação, a UGT exige que haja desdobramentos com o modo rodoviário como, aliás, referiu o Primeiro Ministro numa reunião de Concertação Social. Para isso, a central sindical propõe que as empresas privadas de transportes da região, que se encontram ainda na situação de lay-off simplificado deixem, de imediato, de receber qualquer tipo de ajuda, se não garantirem o nível de oferta a que estão obrigadas nesta situação.

Veja as declarações na íntegra do Secretário-geral Adjunto da UGT, Sérgio Monte

Novo apoio social aprovado no Parlamento responde a reivindicação da UGT

2020-07-01
Novo apoio social aprovado no Parlamento responde a reivindicação da UGT

A UGT regista e saúda a aprovação, no quadro da discussão na especialidade do Orçamento do Estado Suplementar, de um apoio extraordinário de protecção social para trabalhadores em situação de desprotecção social, que não tenham acesso a qualquer instrumento ou mecanismo de protecção social nem aos apoios sociais criados no âmbito das medidas excepcionais e temporárias, no valor mensal de 1 IAS (438,81€). 

Esta é uma medida que há muito a UGT vem defendendo em sede de concertação social e em documentos da central e relativamente à qual nunca obtivemos uma resposta suficiente forte por parte do Governo.

Com efeito, há muito que apontávamos e reiterávamos como fundamental a criação de uma prestação social mínima de carácter universal para todos os que ficaram de fora do quadro de protecção social existente, como os trabalhadores precários, que foram novamente os primeiros a sofrerem o embate desta crise e muitos dos quais enfrentam actualmente situações dramáticas.  

Para que ninguém fique para trás!