UGT - Comunicados

Notícias

2019

Mais de um milhão de trabalhadores devem ser abrangidos pela Negociação Coletiva em 2019

2019-08-27
Mais de um milhão de trabalhadores devem ser abrangidos pela Negociação Coletiva em 2019

Instrumentos de regulamentação coletiva de trabalho publicados até julho estão no nível mais elevado desde 2010. No fim de 2019 deve ser ultrapassada a fasquia de um milhão de trabalhadores abrangidos por negociação coletiva pela primeira vez desde 2011.

Após “os anos da troika, uma desgraça para a negociação coletiva, reganhou-se a confiança entre as partes”, frisa Sérgio Monte, Secretário-geral adjunto da UGT. Um fator fundamental para explicar o maior dinamismo deste processo.

Uma análise da UGT aos IRCT publicados no primeiro semestre deste ano constata que mais de 70% dos que são revisões atualizam as tabelas salariais. Além disso, “mais de 50% das convenções publicadas estabelecem um salário para o início da carreira acima dos €600, ou seja, acima do valor do salário mínimo”, frisa Sérgio Monte, apontando que “é um bom sinal”.

A mesma análise da UGT aponta ainda que a variação nominal média dos salários, nestas convenções que reviram tabelas remuneratórias, foi de 2,8%. Um valor abaixo dos 3,8% registados no segundo semestre do ano passado, mas acima dos 2,6% observados na primeira metade do ano passado, aponta o documento. É um valor “acima da inflação, que está em cerca de 1%, o que traduz uma valorização real dos salários”, vinca Sérgio Monte.

(Fonte: Expresso)

Clique aqui para ler o artigo na íntegra no Expresso Diário (Requer Assinatura)

Ver link