UGT - Comunicados

Notícias

2018

GREVE NA SAÚDE – 2 E 3 DE MAIO

2018-05-02
GREVE NA SAÚDE – 2 E 3 DE MAIO

Os trabalhadores não pertencentes a carreiras de regime especial que exercem funções nos serviços sob tutela do Ministério da Saúde e do Governo Regional dos Açores, incluindo os hospitais EPE, independentemente da natureza do seu vínculo, cargo, função ou setor de atividade, vão estar em greve nos próximos dias 2 e 3 de maio, como forma de protesto pela crescente degradação das suas condições de trabalho.

Esta paralisação procura exigir do Governo a necessidade de rapidamente tomar medidas e iniciar processos negociais no sentido da resolução de questões que se vêm arrastando e que estão a colocar os trabalhadores da saúde numa situação de discriminação negativa face aos demais trabalhadores da Administração Pública.

Os trabalhadores reivindicam:

– a aplicação do horário de 35 horas de trabalho semanal a todos os trabalhadores;

– a progressão na carreira para todos os trabalhadores;

– a dignificação das carreiras;

– o reforço de recursos humanos nos respetivos quadros de pessoal dos hospitais EPE e demais serviços na dependência e/ou tutela do Ministério da Saúde;

– o pagamento das horas de trabalho extraordinário vencidas e não liquidadas;

– a possibilidade de inscrição na ADSE para todos os trabalhadores;

– a celebração de acordo coletivo para os trabalhadores com contrato individual de trabalho nos hospitais EPE, conferindo-lhes um regime de carreira que promova a igualdade face aos demais colegas de serviço;

– aumentos salariais justos que travem a degradação salarial.

O SINTAP apela aos trabalhadores para que, através de uma forte adesão a esta Greve, enviem um sinal claro e inequívoco ao Governo de que é tempo de resolver, de uma vez por todas, as injustiças que incompreensivelmente continuam a verificar-se nos serviços da saúde.

PIQUETES DE GREVE

 

REGIÃO CENTRO

Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra

Gonçalo Mendes: 914 732 545

Jacinto Santos: 925 551 339

Ricardo Domingos: 926 014 937

 

Hospital Distrital da Figueira da Foz

João Alves: 969 495 388

 

Centro Hospitalar do Baixo Vouga (Aveiro)

António Oliveira e Silva: 9164 621 329

 

Unidade de Saúde Local da Guarda

Joana Félix: 932 305 941

 

Centro Hospitalar Tondela-Viseu

Victor Alves: 965 057 442

 

Centro Hospitalar de Leiria

Ângelo Monforte: 932 389 901

 

LISBOA

1 de maio - 23h30 – Urgências do Hospital de São José

Carlos Moreira: 911 565 018

 

2 de Maio – 08h00 – Consultas Externas do Hospital Curry Cabral

Carlos Moreira: 911 565 018

 

DISTRITO DE SETÚBAL

Hospital Garcia de Orta (Almada) – das 23h30 do dia 1 de maio às 00h30m do dia 2 de maio

Joaquim José Grácio Ribeiro: 937 482 282

 

Centro Hospitalar Barreiro-Montijo – das 15h30m às 16h30m do dia 2 de maio

Luís Miguel Cabrita Feijão: 965 007 884

 

Centro Hospitalar de Setúbal (Hospital de São Bernardo) – das 07h30m às 08h30m do dia 3 de maio

Joaquim José Grácio Ribeiro: 937 482 282

 

ALGARVE

Hospital de Faro – 2 e 3 de maio a partir das 07h30m na entrada de trabalhadores

João Barnabé: 966 283 715

 

Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio (Portimão) – 2 e 3 de maio a partir das 07h30m na entrada de trabalhadores

Ana Paiva: 967 503 706

 

REGIÃO NORTE

Centro Hospitalar de São João (Porto)

Carlos Alberto Fonseca Lopes: 912 122 990

Manuel Silva Braga: 932 275 890

 

IPO Porto

Rui Augusto Soares: 913 628 572

 

Unidade Local de Saúde do Alto Minho (Viana do Castelo)

José Manuel Coutinho

917 653 099

 

AÇORES

Hospital da Horta

Luís Armas: 961 627 872

Hélio Santos: 965 134 637

 

Hospital de Ponta Delgada

Maria Clara Teves: 963 844 499

 

Hospital de Angra do Heroísmo

Orivaldo Chaves: 964 923 016

 

MADEIRA

Hospital Central do Funchal

Carlos Moniz: 924 036 696

João Manuel Câmara: 962 829 107