UGT - Comunicados

Notícias

2018

FESAP não aceita aumentos ridículos e exige que Governo corrija carreira de assistente operacional

2018-02-07
FESAP não aceita aumentos ridículos e exige que Governo corrija carreira de assistente operacional

A FESAP considera inaceitável que existam trabalhadores que, por consequência da forma faseada como está a ser aplicado o descongelamento das progressões nas carreiras, apenas tenham direito a aumentos absolutamente ridículos de 0,90 €.

Leia abaixo a nota de imprensa da FESAP