UGT - Comunicados

Notícias

2016

Apelo dos parceiros sociais ouvido pela Comissão Europeia

2016-12-09
Apelo dos parceiros sociais ouvido pela Comissão Europeia

Numa carta endereçada à UGT, a vice-presidente da Comissão Europeia, Jyrki  Katainen, responde ao apelo lançado pelos parceiros sociais portugueses, no passado dia 27 de julho, no qual tomaram uma posição conjunta sobre a eventual suspensão dos fundos comunitários considerando esta medida “profundamente injusta (e porventura discriminatória), tendo em conta o enorme contributo para a consolidação orçamental de Portugal, feito ao longo dos últimos anos, agora reiterado pela Comissão Europeia, e para o qual contribuíram todos os portugueses, em especial os trabalhadores e as empresas, e cuja estratégia mereceu das instâncias europeias rasgados elogios.”

A voz dos parceiros sociais portugueses foi ouvida e principalmente a da UGT que desde o primeiro momento não se poupou a esforços, para tanto a nível internacional, como nacional, mobilizar apoios dentro da sociedade civil no sentido de apelar a uma leitura sensata e ponderada das normas europeias.

Leia na íntegra a carta no link abaixo