UGT - Comunicados

Notícias

2015

UGT reuniu com a CCP

2015-12-29
UGT reuniu com a CCP

A UGT recebeu hoje na sua sede para uma reunião bilateral uma delegação da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP). Este encontro solicitado a pedido da confederação patronal teve como objectivo debaterem temas como o salário mínimo, a contratação colectiva e a concertação social.

Em declarações ao jornalistas no final da reunião, o Secretário-geral da UGT salientou que o valor de 530 euros definido pelo Governo para o aumento do salário mínimo a vigorar já  a partir de Janeiro, é um valor que se aproximou muito do valor proposto pela central sindical de 535 euros e que foi apresentado na sua política reivindicativa.

"Compreendemos as lamúrias das empresas, mas há uma componente social por detrás do salário mínimo que tem de ser levada em conta", afirmou Carlos Silva.

"A CCP mantém que o Governo impôs este valor, mas o Governo não o impôs. Veio ao encontro de uma sugestão moderada da UGT", acrescentou.

Para o líder da UGT, "o Governo teve a última palavra e a decisão está tomada". "A ideia agora é discitir um conjunto de matérias para ser alcançado um acordo de médio e longo prazo".

O desbloqueamento da contratação colectiva foi outro dos assuntos abordados na reunião com a confederação patronal, no qual a UGT destacou que "por influência da Troika" o número de trabalhadores abrangidos por este instrumento baixou de dois milhões em 2008 para 200 mil no final de 2013, número que, segundo Carlos Silva, se manteve nos anos de 2014 e 2015.

Para o Secretário-geral da UGT "importa haver uma reversão desta tendência".

 

 

Ver fotos (Flickr)

Inauguração do GIP da UGT-Viseu em Lamego

2015-12-28
Inauguração do GIP da UGT-Viseu em Lamego

A UGT-Viseu inaugurou um Gabinete de Inserção Profissional (GIP) em Lamego. 
Esta inauguração que teve lugar hoje nas instalações do Training Center da UGT-Viseu em Lamego contou com as presenças do Secretário-geral da UGT, do Presidente da UGT-Viseu, do Presidente da Câmara Municipal de Lamego, do Presidente do IEFP, do diretor da Segurança Social de Viseu, da diretora do Centro de Emprego de Lamego, entre outros convidados.

Este é o segundo GIP desta união distrital que pretende desta forma prestar apoio aos jovens e adultos desempregados do concelho de Lamego na definição e desenvolvimento do seu percurso de inserção ou reinserção no mercado de trabalho.

 

Ver fotos (Flickr)

Novo Banco aguarda posição de Bruxelas

2015-12-15
Novo Banco aguarda posição de Bruxelas

A instituição espera a resposta das instâncias europeias, informou Stock da Cunha na reunião de hoje com os Sindicatos.

Os Sindicatos da Febase reuniram-se hoje com o presidente do conselho de administração do Novo Banco, que informou aguardar o resultado da apreciação das instâncias europeias, nomeadamente da DGCom.

SINTAP exige valorização da negociacão colectiva

2015-12-14
SINTAP exige valorização da negociacão colectiva

O Secretariado Nacional do SINTAP, depois de analisar a situação dos trabalhadores da Administração Pública à luz do atual contexto social, económico e político‐sindical, aprovou um conjunto de exigências que devem merecer, da parte do Governo, uma atenção especial e urgente. 

 O SINTAP considera que estamos perante um momento que terá, necessariamente, de ser um momento de viragem, no qual os decisores políticos terão obrigatoriamente que colocar uma tónica reforçada na negociação com os representantes dos trabalhadores e que, por essa via, possamos prosseguir um caminho de valorização dos recursos humanos da Administração Pública, de defesa do emprego público e de investimento inequívoco na melhoria dos Serviços Públicos prestados a todos os cidadãos.

Clique AQUI para ler a resolução completa.

Febase solicita reunião de urgência ao Banif

2015-12-14
Febase solicita reunião de urgência ao Banif

Face à instabilidade e insegurança vivida pelos trabalhadores do Banif, os Sindicatos da Federação reafirmaram o pedido de reunião à administração do banco.