UGT - Comissões

Comissões

Comissão de Mulheres

Dia Internacional da Tolerância Zero contra a Mutilação Genital Feminina

2017-02-06
Dia Internacional da Tolerância Zero contra a Mutilação Genital Feminina

Assinala-se hoje o Dia Internacional da Tolerância Zero contra a Mutilação Genital Feminina (MGF).

A UGT e a Comissão de Mulheres não pode deixar passar esta ocasião e lembrar que esta é uma prática aberrante que viola os direitos humanos e a dignidade de milhares de mulheres e raparigas por todo o mundo.

Continuaremos a afirmar que são necessárias medidas que conduzam à erradicação efectiva da MGF e continuar a lutar contra toda a violência de género.

Comissão de Mulheres congratula-se com equilíbrio de género na gestão das empresas

2017-01-06
Comissão de Mulheres congratula-se com equilíbrio de género na gestão das empresas

A Comissão de Mulheres da UGT congratula-se com mais um passo dado na concretização de uma maior Igualdade entre Homens e Mulheres, através da aprovação em Conselho de Ministros da proposta de lei que estabelece o regime da representação equilibrada entre mulheres e homens nos órgãos de administração e de fiscalização das empresas do setor público empresarial e das empresas cotadas em bolsa.

A UGT teve um papel determinante pois deu o seu parecer positivo e desenvolveu esforços no sentido da sua concrerização.

No comunicado do Conselho de Ministro de dia 5 de Janeiro de 2017 pode ler-se:

"O Conselho de Ministros aprovou hoje a proposta de lei que estabelece o regime da representação equilibrada entre mulheres e homens nos órgãos de administração e de fiscalização das empresas do setor público empresarial e das empresas cotadas em bolsa.

Esta proposta está em linha com programa do XXI Governo Constitucional, no seu propósito de promoção da participação das mulheres em lugares de decisão na atividade política e económica, e enquadra-se num quadro legislativo que se tem vindo a consolidar ao longo do tempo, desde a Lei da Paridade que estabeleceu, em 2006, que as listas para a Assembleia da República, para o Parlamento Europeu e para as autarquias locais são compostas de modo a assegurar a representação mínima de cada sexo de 33%, à Lei-Quadro das Entidades Reguladoras que determina que o provimento do presidente do conselho de administração deve garantir a alternância de género e que no caso dos vogais se assegura a representação mínima de 33% de cada sexo.

A presente proposta é um primeiro passo na concretização das medidas de promoção da igualdade entre mulheres e homens em cargos de decisão constantes do programa de Governo, consagrando um regime aplicável aos órgãos de administração e de fiscalização das empresas, a que se seguirá a apresentação de iniciativa legislativa referente ao pessoal dirigente da administração direta e indireta do Estado.

São definidos os seguintes limiares mínimos:

a) 33,3%, a partir de 1 de janeiro de 2018, nos órgãos de administração e de fiscalização das empresas do setor público empresarial;

b) 20%, a partir de 1 de janeiro de 2018, e 33,3%, a partir de 1 de janeiro de 2020, nos órgãos de administração e de fiscalização das empresas cotadas em bolsa."

 

UGT debate a violência contra as mulheres em Madrid

2016-11-25
UGT debate a violência contra as mulheres em Madrid

No dia em que se assinala o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, a Comissão de Mulheres da UGT, representada pela sua presidente Lina Lopes, participa numa Conferência Europeia organizada pela CES (Confederação Europeia de Sindicatos) sob o tema "Seguro em casa, Seguro no trabalho". Este evento tem lugar em Madrid entre os dias 24 a 25 de Novembro.

Esta conferência tem por base um projecto europeu da confederação europeia " Seguro em casa, Seguro no trabalho" tem como principal objetivo discutir o papel dos sindicatos na eliminação  da violência contra as mulheres, designadamente a questão do assédio nos locais de trabalho.


 .

Ver link

Prémio Igualdade

2016-04-19
Prémio Igualdade

A Comissão de Mulheres da UGT, na sequência das atividades comemorativas da Igualdade de Oportunidades, realizadas ao longo do mês de março, organizou no dia 19 de Abril de 2016 a cerimónia de entrega do "Prémio Igualdade" que teve lugar no Pavilhão do Conhecimento em Lisboa. 

Esta cerimónia de elevada importância para a valorização do papel da mulher na sociedade, destacou várias organizações do mundo sindical assim como da sociedade civil que promovem e proporcionam às mulheres lugares de destaque, seja na liderança ou mesmo nas direções das diversas organizações.

A Comissão de Mulheres da UGT congratula-se pela elevada participação neste evento, assim como pelo trabalho desenvolvido em prol da igualdade de oportunidade de todas as organizações presentes.

CLIQUE AQUI PARA ACEDER À FOTOGALERIA

CLIQUE AQUI PARA VER O VÍDEO

UGT-Évora e Comissão de Mulheres debatem a Igualdade de Oportunidades

2016-03-29
UGT-Évora e Comissão de Mulheres debatem a Igualdade de Oportunidades

A Comissão de Mulheres da UGT, em parceria com a UGT-Évora promoveu um seminário sobre a igualdade de oportunidades, na sede da união distrital.

Esta iniciativa insere-se no mês comemorativo da Igualdade de Género promovido pela central sindical que pretende levar a discussão sobre este tema a vários pontos do país abordando a questão em diferentes perspetivas.

Para analisar esta questão estiveram presentes vários dirigentes sindicais e alguns convidados, entre eles a vice-presidente da Câmara Municipal de Évora, Élia Mira.

Clique no link abaixo e veja a fotogaleria

Ver link